O SONAMBULISMO segundo obras diversas de ALLAN KARDEC

 

 

Respostas às questões propostas

1. O que caracteriza o sonambulismo?

R.: O que o caracteriza é o fato de o indivíduo, embora dormindo, poder movimentar-se e agir, utilizando o seu próprio corpo material, como se estivesse acordado. Ele se levanta, caminha e pratica atos próprios de sua vida com absoluta segurança e perfeição. Outra característica do fenômeno é o fato de perder o sonâmbulo, ao acordar, a lembrança do que fez dormindo.

2. No sonambulismo, como o indivíduo está dormindo, quem é que age?

R.: É sua alma que age.

3. Que é o êxtase?

R.: O êxtase é outra modalidade de emancipação da alma, uma espécie de sonambulismo mais apurado, porquanto a alma do extático é ainda mais independente.

4. Em que consiste o fenômeno da dupla vista?

R.: A dupla vista, igualmente chamada de segunda vista, é o nome que se dá ao fenômeno pelo qual certas pessoas, em perfeito estado de vigília, conseguem perceber cenas e fatos passados a distância ou exclusivamente na esfera espiritual.

5. Existe alguma relação entre o sonho, o sonambulismo e o fenômeno da dupla vista?

R.: Sim. Todos eles são formas de ocorrências derivadas da emancipação da alma. O que se chama dupla vista é o resultado da libertação do Espírito sem que o corpo esteja adormecido. A dupla vista ou segunda vista, afirmam eles, “é a vista da alma”.

Bibliografia:

O Livro dos Espíritos, de Allan Kardec, questões 425 a 431, 439, 447 e 455.

O Livro dos Médiuns, de Allan Kardec, item 172.

Magnetismo Espiritual, de Michaelus, pp. 8 a 10.

O Espiritismo perante a Ciência, de Gabriel Delanne, pp. 88 a 94.

Dicionário Enciclopédico Ilustrado, de João Teixeira de Paula, pp. 42 e 43.

 

 

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!