O nome de Jesus

Narra o médium mineiro Francisco Cândido Xavier que, durante anos, prestou assistência a uma jovem com deficiência física e mental.
 
Com um ou outro amigo, comparecia toda semana, em dias determinados, à sua casa, para orar, transmitir as energias vitalizantes do passe e falar-lhe do Evangelho.
 
Isto mesmo. Embora a sua deficiência, ele lhe falava a respeito de Jesus, dos Seus ditos e dos Seus feitos. Do Seu profundo amor pelas criaturas humanas.
 
Quando percebia que a moça demonstrava maior grau de desconforto, por um ou outro problema de saúde, que a martirizasse, colocava sua mão sobre a testa porejada de suor e lhe dizia:
 
Filha, pensa em Jesus! Jesus, minha filha!
 
Após alguns minutos, ela se tranqüilizava e adormecia, calmamente.
 
Certo dia, o médium foi chamado às pressas. A jovem agonizava.
 
Chico Xavier, de imediato, se deslocou até sua casa.
 
A jovem parecia aguardar sua presença, simplesmente. Ele orou e tornou a lhe falar, suavemente, do Mestre de Nazaré.
 
Recordou-O às margens do Tiberíades, cantando as glórias de Deus.
 
Lembrou da Sua visita à casa de Jairo, socorrendo-lhe a filha que todos acreditavam morta.
 
Falou de Suas andanças pelas estradas da Galiléia, da tarde amena em que atendeu os pequenos, do Sermão da Montanha.
 
Percebendo que ela estava prestes a desligar-se do corpo, insistiu o médium mineiro:
 
Filha, pensa em Jesus!
 
Ela pareceu fazer um esforço supremo. Da boca que sempre se mantivera muda, nesta vida, brotou um som, depois outro e outro.
 
Três sílabas. Todos a ouviram pronunciar, com muita dificuldade: Je-su-so. E morreu.
 
A emoção, naturalmente, tomou conta dos presentes.
 
* * *
 
Recordando esta experiência de Chico Xavier, imaginamos o quanto nosso amado Mestre pode alimentar a esperança e aliviar dores.
 
Seu olhar dulcifica as multidões. Seus ouvidos atentos descobrem o pranto oculto, identificam a aflição onde se encontra.
 
Sua boca, bordada de misericórdia, consola, cantando a eterna sinfonia da Boa Nova, convocando os homens para a epopéia da felicidade.
 
Jesus é a luz do Mundo. Veio até nós para nos ensinar a amar e nos alçar na direção do excelso bem.
 
* * *
 
Companheiro, se atravessas a vida experimentando júbilos e afeições, guarda a certeza de que Jesus está contigo.
 
Se, no entanto, atravessas os dias de desolação e tristeza;
 
Se os amigos não te percebem as angústias, nem te enxergam as lágrimas;
 
Se estás sobrecarregado de dores e mesmo assim, te mostras perseverante no bem;
 
Então tem certeza: Jesus está contigo, sim, mas já estás também com Jesus!
 

 

Redação do Momento Espírita, com base no verbete Jesus, do livro Repositório de sabedoria, v. 2, pelo Espírito Joanna de Ângelis, psicografia de Divaldo Pereira Franco, ed. Leal.

 

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!