Três Inimigos

 

Inúmeros adversários agem contra a paz.
  
Destacamos três, que são cruéis e sorrateiros, desequilibram e levam ao fracasso. São a depressão, o ressentimento e a exaltação.
A depressão assemelha-se a noite inopinada em pleno dia. Intoxica as mais belas florações do ser.

O ressentimento lembra o mofo, que se desenvolve e destrói onde se fixa.

A exaltação parece raio e produz relâmpagos de loucura, estiolando os ideais da vida.

Para a depressão, deve-se usar, de imediato, a vacina da coragem pela prece. 

Para o ressentimento, raciocínio lúcido, com amor, que nada espera em troca. 

E para a exaltação, o refrigério da meditação, que recompõe as energias. 

Quando o vício adquire cidadania, a crueldade recebe aplausos e a insensatez goza de apoio, o cristão enfrenta muitas dificuldades. 

Atenta e vigia, mantendo-te jovial e tranquilo, considerando a honra de estares cumprindo um dever, sob as bênçãos de Deus.

Joanna de Ângelis - Divaldo Franco

 

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!